Contrato de Elon Musk para compra do Twitter é suspenso e ações despencam

Atualizado em -

Contrato de Elon Musk para compra do Twitter é suspenso e ações despencam Dado Ruvic | Reuters
► Twitter tem lucro de US$ 513 mi e amplia receita e base de usuários no 1º tri► Não caia no efeito manada na bolsa de valores!► Americanas e Guararapes recuperam parte do prejuízo no 1T22

Nesta sexta-feira (13), Elon Musk suspendeu 'temporariamente' o acordo que assinou de US$ 44 bilhões para a compra do Twitter (TWTR34). O empresário destacou que está aguardando dados mais claros sobre a proporção de contas falsas presentes na rede social.

"O acordo com Twitter está temporariamente suspenso, pendente de detalhes que apoiem o cálculo de que contas falsas/spam de fato representam menos de 5% dos usuários", disse Musk a seus mais de 92 milhões de seguidores no Twitter nesta sexta.

De imediato, as ações do Twitter desabaram 17,7%, para US$ 37,10, na manhã de hoje nas negociações de pré-mercado. O valor é o mais baixo desde que Musk tornou pública a informação de que estaria comprando, inicialmente, um pedaço da empresa no início de abril.

Em seu tuíte veiculado hoje, o bilionário fez uma referência a uma matéria da Reuters, de 2 de maio, sobre uma estimativa do Twitter de que as contas falsas ou de spam representaram menos de 5% dos usuários ativos diários monetizáveis ​​durante o primeiro trimestre.

De acordo com comentários de especialistas em negociações de redes sociais, a questão é que "o número usuários reais e ativos do Twitter é parte importante da precificação da companhia". Por outro lado, Musk também pode estar sendo estratégico para buscar diminuir o preço total da aquisição da empresa.

Relacionados:

► Twitter tem lucro de US$ 513 mi e amplia receita e base de usuários no 1º tri► Não caia no efeito manada na bolsa de valores!► Americanas e Guararapes recuperam parte do prejuízo no 1T22

Leia mais: