Valor da B3 segue descontado

Atualizado em -

Valor da B3 segue descontado Shutterstock
► Investe em ações? Fique atento às regras da declaração do imposto de renda► Bom momento para comprar bolsa americana?► Três motivos para você investir em ações

Com o pior desempenho mensal desde março de 2020, o mês de abril foi marcado por uma baixa performance dos mercados globais.

Investidores seguem preocupados com algumas incertezas em decorrência de uma conjuntura econômica de momento: a continuidade da guerra na Ucrânia; o impacto forte em preços de commodities; a política zero-Covid na China (impactando a cadeia global de suprimentos); juros em alta e inflação em níveis recorde em todo o mundo; a redução dos estímulos dos Bancos Centrais globais e o aumento dos riscos de ocorrer uma recessão econômica.

Destaque, com impacto direto na economia brasileira, para os novos lockdowns na China levando preços das commodities a continuarem bastante voláteis no mês passado. Devido ao alto peso das commodities na bolsa de valores do Brasil, o cenário exterior já causou um movimento de mudança de fluxo de capital estrangeiro na B3 - gerando um cenário de suporte menor para a nossa bolsa.

"Várias cidades industriais chinesas estão, literalmente, sob lockdown ainda. E essa restrição de mobilidade tem levado a uma paralisia e o mundo sofre com menos exportações chinesas, com a paralisia logística nos principais portos da China. Como consequência, esse problema na logística também tem encarecido bastante o preço dos fretes - isso ainda em um cenário no qual várias commodities energéticas seguem em alta", ressalta Leonardo Milane, estrategista-chefe da VLGI Investimentos.

Após um forte início de ano, as ações brasileiras registraram o seu primeiro mês negativo em abril - caindo -10,1% em reais. Já o dólar se valorizou em relação ao real, marcando o primeiro mês com um desempenho mais fraco para a nossa moeda. Como consequência, ajudou o índice Ibovespa a retroceder -13,9% em dólar.

No entanto, como mostra levantamento da Bloomberg, as ações brasileiras e o real seguem sendo os ativos com melhor desempenho entre os principais mercados do mundo no acumulado do ano.

Gráfico_RealxMoedas.png

Capital estrangeiro

No começo do mês passado, a B3 revisou sua metodologia sobre dados de capital estrangeiro e o fluxo externo líquido para o Brasil passou de quase R$ 90 bilhões para R$ 68 bilhões no acumulado do ano até o mês de março. Em abril, foi observado a saída de parte desse capital estrangeiro pela primeira vez em 2022 e o movimentação de investidores estrangeiros no ano fechou em um acumulado de R$ 64 bilhões.

As incertezas sobre o crescimento econômico mundial, incluindo os lockdowns em cidades chinesas por conta da Covid, ajudaram nos preços das commodities a permanecerem instáveis. Como consequência, também houve impacto no desempenho das ações brasileiras - ajudando no movimento de resgates da aplicações de alguns estrangeiros na B3.

Gráfico_Movimentação Capital Estrangeiro.png

[BOM MOMENTO PARA INVESTIR NA BOLSA AMERICANA?]

Elétricas em alta

De acordo com levantamento de analistas da XP, além de commodities e financeiro, o setor das elétricas está tendo um bom desempenho no Brasil em 2022.

De forma contra-intuitiva, a maioria das ações desse setor está tendo retornos positivos, enquanto a curva de juros brasileira vem se achatando. Isso mesmo sendo uma área no qual as companhias tendem a ter uma correção negativa com as taxas de juros (quando as taxas de juros sobem os preços geralmente caem).

Vale lembrar que as empresas do setor elétrico são consideradas defensivas por terem suas tarifas reguladas e reajustadas com a inflação, apresentando, portanto, um impacto muito reduzido. Além disso, dentro do setor elétrico, o segmento de transmissão possui receitas pré-estabelecidas através de contratos de longo prazo ajustadas anualmente pela inflação, portanto, sendo o mais previsível entre todos.

O movimento mais positivo registrado do setor foi destaque em abril e superou o Ibovespa.

Gráfico_Elétricas.png

B3 barata

Em seu último relatório mensal, a XP manteve o seu preço-alvo do Ibovespa em 130 mil para o final deste ano de 2022.

"Embora os lucros do consenso mostrem sinais claros de ganhos acima do esperado, notamos que as taxas de juros reais no Brasil continuaram a subir. Essa combinação de taxas mais altas e lucros mais altos estão se compensando neste momento. Para ver um potencial de alta no valor justo do Ibovespa, precisaríamos de: 1) estimativas de lucros de consenso subindo, e/ou 2) expansão de múltiplos, que pode vir de aumento de de fluxo de capital, bem como de juros reais mais baixos", destaca a corretora.

Dentro do cenário econômico atual, as ações brasileiras estão sendo negociadas em níveis atrativos de valuation, em Preço/Lucro (P/L) projetado de 7,0x, um desconto de -37% em relação à média dos últimos 15 anos em 11,2x.

Entrando mais no detalhe, alguns setores negociam a múltiplos mais baratos ou caros em relação às suas próprias médias históricas. Por exemplo, os setores de Tecnologia, Saúde, Consumo Discricionário e Indústria negociam com o Preço/Lucro acima dos últimos anos. Por outro lado, Materiais e Energia – as commodities – estão abaixo. Ou seja, negociam em patamares bastante atrativos.

"O Prêmio de Risco para ações brasileiras, que compara seu rendimento com as taxas de juros reais, mostra que as ações brasileiras estão baratas mesmo considerando o alto nível das taxas de juros locais. O nível atual de Prêmio de Risco está em 8,7%, superior à média histórica de 4,7%", avalia a XP.

Gráfico_P.L Bolsa Brasileira.png

O que fazer com os seus investimentos?

Em uma live exclusiva, o estrategista-chefe da VLGI Investimentos, Leonardo Milane, apontou alguns caminhos sobre o que fazer com os seus investimentos para enfrentar o momento atual de aperto monetário, aumento dos juros e alta da inflação global. Quer entender a melhor maneira para cuidar do seu dinheiro no cenário atual? Assista a íntegra abaixo e faça bons investimentos:

  • Texto com inclusão de dados e gráficos da XP Research.

Relacionados:

► Investe em ações? Fique atento às regras da declaração do imposto de renda► Bom momento para comprar bolsa americana?► Três motivos para você investir em ações

Leia mais: