Prévia do PIB mostra expansão de 0,69% em novembro após 4 meses de queda

Atualizado em -

Prévia do PIB mostra expansão de 0,69% em novembro após 4 meses de queda Foto de Matheus Natan no Pexels
► Balança comercial registra maior superávit da série histórica em 2021► Construção civil perde fôlego e deve crescer apenas 2% em 2022► China registra o maior crescimento da década com avanço econômico de 8,1% em 2021

Em dados divulgados nesta segunda-feira (17), o Índice de Atividade Econômica (IBC-Br) mostrou expansão de 0,69% em novembro em relação ao mês anterior. Após 4 meses consecutivos de queda, o indicador que é considerado uma prévia do PIB foi calculado após ajuste sazonal.

Em comparação com o mesmo período do ano passado, o Banco Central informou um aumento de 0,43% do índice. Na parcial de janeiro a novembro, o IBC-Br indica um crescimento de 4,59% do PIB. Já nos últimos doze meses, a alta foi de 4.30%. Ambos os dados sem ajuste sazonal.

O IBC-Br é um indicador criado para tentar antecipar os resultados do PIB e incorpora estivas para a agropecuária, a indústria e o setor de serviços, além dos impostos, mas não considera o lado da demanda (incorporado no cálculo do PIB do IBGE).

Relacionados:

► Balança comercial registra maior superávit da série histórica em 2021► Construção civil perde fôlego e deve crescer apenas 2% em 2022► China registra o maior crescimento da década com avanço econômico de 8,1% em 2021

Leia mais: