Investidores repercutem sinalização de que o FED deve aumentar taxas de juros já em março

Atualizado em -

Investidores repercutem sinalização de que o FED deve aumentar taxas de juros já em março Freepik
► Inflação chinesa desacelera em dezembro após medidas de contenção de preços do governo► Empresas batem recorde histórico com captação de R$ 596 bilhões no mercado de capitais em 2021► Pela primeira vez, Ford ultrapassa US$ 100 bilhões em valor de mercado

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Clique e fale com um especialista VLG Investimentos

Nesta sexta-feira, a sessão é sem sentido definido para os principais mercados. Os índices futuros americanos apresentam leve alta após a baixa dos índices à vista na véspera, enquanto os mercados europeu e asiático têm um dia de queda após mais indícios sobre a normalização da política monetária nos EUA.

No Senado americano, Lael Brainard, indicada a vice presidente do Federal Reserve, sinalizou na véspera que a autoridade monetária deve aumentar a taxa de juros já em março. Outro membro do Fed, Christopher Waller, disse que três aumentos na taxa de juros parecem ser uma boa referência para 2022. Hoje a temporada de resultados ganha força em Wall Street com os números do JP Morgan, Citigroup e Wells Fargo, enquanto a agenda econômica nos EUA conta com dados de varejo e indústria.

Por aqui, atenção também para os dados de vendas de varejo, a serem divulgados pelo IBGE.

Internacional:

Sobre os mercados mundiais, os índices futuros americanos têm altas nesta sexta-feira (14), com investidores à espera da divulgação de resultados de grandes bancos. Na quinta-feira, o Dow recuou 0,48%; o S&P perdeu 1,42%; e o Nasdaq teve queda de 2,51%, encerrando uma sequência de três dias de ganhos, com o mau desempenho do setor de tecnologia após diversas autoridades do Federal Reserve sinalizarem que podem iniciar o processo de elevação da taxa de juros dos Estados Unidos em março.

A alta reduz a atratividade relativa dos lucros futuros do mercado acionário. A Microsoft teve perda de mais de 4% na quinta-feira; a Nvidia recuou 5%; Apple, Amazon, Meta, Netflix e Alphabet também fecharam em queda. Com o resultado negativo de quinta-feira, as principais bolsas caminham para sua segunda semana consecutiva de perdas, e o Nasdaq, para sua terceira.

As bolsas asiáticas fecharam em queda na sexta-feira, com destaque negativo para os índices da Coreia do Sul e do Japão. Os papéis listados na China continental, por sua vez, fecharam sem sentido definido. Na Coreia do Sul, o banco central elevou a taxa referencial de juros em 0,25 ponto percentual, para 1,25%, a maior alta desde março de 2020 e o mesmo patamar registrado antes da pandemia, segundo informações da agência internacional de notícias Reuters.

Dados divulgados na sexta-feira indicaram alta de 20,9% nas exportações da China em dólares em dezembro frente ao mesmo período do ano anterior, acima da expectativa de 20% de analistas ouvidos pela Reuters. As importações cresceram 19,5%, abaixo da expectativa de 26,3%. Em 2021, as exportações totais avançaram 29,9%, frente a 3,6% em 2020 e as importações tiveram alta de 30,1%, frente a queda de 1,1% em 2020.

Na Europa, o índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, recua 0,5%, com destaque negativo para ações do setor de tecnologia e positivo do setor de petróleo e gás. Investidores se mantêm atentos para a situação na Ucrânia após a Rússia interromper conversas com membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), que levou ao diplomata americano Michael Carpenter a afirmar que “os tambores da guerra estão ressoando alto, e a retórica se tornou um tanto estridente”.

Brasil:

No Brasil, o Ibovespa fechou o dia com queda de 0,15%, aos 105.529 pontos acompanhando as quedas do mercado externo, após falas da nova vice-presidente do Federal Reserve no Senado. Como destaque, na noite de quinta-feira, o presidente do Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita (Sindifisco), Isac Falcão, se reuniu com o ministro da Economia Paulo Guedes para negociar uma solução para o congelamento salarial, além de outras pautas da categoria. Auditores vêm entregando cargos de chefia e realizando operação padrão (execução de atividades com rigor excessivo, prejudicando o fluxo de trabalho).

Commodities:

Sobre as commodities, o petróleo Brent é negociado com alta de 1,27%, a US$85,54. O minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve queda de 2,3%, a 722 iuanes, o equivalente a US$ 113,74

Corporativo:

No contexto corporativo, a Aliansce Sonae (ALSO3) enviou uma Proposta Não Vinculante de Combinação de Negócios ao Conselho de Administração da brMalls (BRML3). A Aliansce propõe que os acionistas de brMalls recebam, como resultado da operação, 265.013.405 novas ações ordinárias de emissão de ALSO, representativas de 50% do capital social de ALSO (excluindo-se as ações em tesouraria), assumindo, dessa forma, uma relação de substituição de ações de 0,31769690 ações ordinárias de emissão de ALSO para cada 1 ação ordinária de emissão de brMalls, mais uma parcela em dinheiro no montante total de R$ 1,350 bilhão, representando R$ 1,6184 por ação ordinária de emissão de brMalls. Até o momento, não existe acordo assinado ou aceite formal acerca da combinação de negócios objeto da proposta.

Além disso, a Cyrela (CYRE3) atingiu R$ 2,5 bilhões em VGV de lançamentos no quarto trimestre de 2021, queda de 11,1% contra um ano antes. As vendas líquidas contratadas neste trimestre somaram R$1.575milhões, valor 15% inferior ao registrado no 4T20 (R$ 1.860milhões). A participação da Companhia nas vendas contratadas foi de 90% no 4T21, abaixo dos 91% do mesmo trimestre do ano anterior e do 3T21. Os dados operacionais resultaram em um indicador de Vendas sobre Oferta (VSO) de 12 meses de 44,0%,ficando abaixo do VSO 12 meses apresentado no mesmo trimestre do ano anterior (48,4%).

Ainda, o Conselho Administrativo da Minerva (BEEF3) aprovou que se iniciem estudos para potencial processo de redomiciliação, que poderá resultar na migração da base acionária para a sociedade a ser constituída no exterior, com listagem das ações no mercado estrangeiro.

Por fim, A MSC comprou uma fatia de 67% na Log-in, em leilão de oferta pública de ações (OPA) realizado na quinta-feira. Na operação, a companhia deverá desembolsar R$ 1,75 bilhões (equivalente a US$ 316 milhões). As ações foram precificadas a R$ 25, um prêmio de aproximadamente 17,6% em relação ao preço médio de R$ 21,26 das ações ordinárias da companhia nos 30 pregões anteriores a 10 de dezembro na B3.

Relacionados:

► Inflação chinesa desacelera em dezembro após medidas de contenção de preços do governo► Empresas batem recorde histórico com captação de R$ 596 bilhões no mercado de capitais em 2021► Pela primeira vez, Ford ultrapassa US$ 100 bilhões em valor de mercado

Leia mais: