BB e Taesa integram novamente Índice Carbono Eficiente (ICO2) da B3

Atualizado em -

BB e Taesa integram novamente Índice Carbono Eficiente (ICO2) da B3 Shutterstock
► Usiminas e Light farão parte do Índice de Carbono Eficiente (ICO2) da B3 em 2022► B3 lança índice IGPTW, que reúne empresas com selo "Great Place to Work"

Por mais um ano, o Banco do Brasil (BBAS3) foi selecionado para fazer parte da carteira do Índice Carbono Eficiente (ICO2) da B3, a qual é rebalanceada a cada quatro meses, seguindo as atualizações do IBrX 100.

Desde a criação do ICO2, em 2010, o Banco do Brasil integra o índice. Na edição deste ano, ele é composto pelas empresas detentoras das 100 ações mais negociadas na bolsa, que elaboraram seu Inventário de Gases de Efeito Estufa e aderiram formalmente à iniciativa do índice, reportando suas informações à B3 em 2021.

"O BB divulga o seu inventário de emissões de GEE desde 2008. A listagem do BB no ICO2 é um reconhecimento do mercado frente à sua atuação em sustentabilidade e ao seu compromisso em reduzir as emissões de gases do efeito estufa", ressaltou a empresa em comunicado ao mercado, nesta segunda-feira (10).

O objetivo da adesão das companhias ao ICO2 é ter um comprometimento com a transparência das informações a respeito das suas emissões e antecipar a visão sobre como estão se preparando para um novo cenário de economia de baixo carbono.

Taesa

Na sexta-feira, a Taesa (TAEE3) também comunicou que vai integrar as carteiras do ICO2 e do índice IGPTW em 2022.

De acordo com a B3, o IGPTW acompanha as empresas certificadas ou ranqueadas pelo Great Place to Work e é o primeiro índice GPTW no mundo, abrangendo um novo viés ESG para o mercado brasileiro na B3.

"A entrada nos dois índices está alinhada ao planejamento estratégico da Companhia e é mais um resultado do nosso programa de sustentabilidade, mais especificamente no combate a mudanças climáticas e na busca por melhores condições e práticas no ambiente de trabalho", destacou a Taesa em informe aos acionistas.

Relacionados:

► Usiminas e Light farão parte do Índice de Carbono Eficiente (ICO2) da B3 em 2022► B3 lança índice IGPTW, que reúne empresas com selo "Great Place to Work"

Leia mais: