Com salto de 140,6%, Viveo reporta lucro de R$ 61,255 milhões no trimestre

Atualizado em -

Com salto de 140,6%, Viveo reporta lucro de R$ 61,255 milhões no trimestre Cauê Diniz/B3
► Com aquisição da Tecno4 e da Pointmed por R$ 43 milhões, Viveo avança no setor de saúde► Gafisa reverte prejuízo e tem lucro líquido de R$ 6,1 milhões no 3T21

Com alta de 140,6%, a Viveo (VVEO3) registrou um lucro líquido de R$ 61,2 milhões no terceiro trimestre de 2021. A companhia havia reportado um lucro de R$ 25,4 milhões no mesmo período do ano passado.

Já o lucro líquido ajustado, considerando itens não-recorrentes como despesas com fusões e aquisições, créditos tributários e encargos trabalhistas, apresentou um crescimento de 153,1%, totalizando R$ 80,5 milhões no trimestre.

Na comparação trimestral, a receita líquida teve alta de 23,5%, somando R$ 1,495 bilhão no período, enquanto a receita líquida ajustada foi de R$ 1,44 bilhão, crescimento de 19,2%. No acumulado do ano o aumento foi de 47,4%, chegando a R$ 4,3 milhões.

”Tais resultados devem-se ao crescimento orgânico, principalmente, dos canais de laboratórios e varejo, e às aquisições realizadas durante o ano de 2020”, ressalta a companhia em comunicado.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da companhia apresentou um recuo de 36,3% e ficou em R$ 53,850 milhões, ante os R$ 84,557 milhões do terceiro trimestre de 2020. A margem Ebitda também apresentou uma queda de 3,4 pontos percentuais, ficando em 3,6%.

O Ebitda ajustado registrou um avanço de 33,5%, totalizando R$ 118,888 milhões, e a margem Ebitda ajustado ficou em 8,2%, avanço de 0,9 ponto percentual no período.

No 3T21, a companhia registrou R$ 240,9 milhões na linha de despesas, aumento de 157,8% em relação ao 3T20.

O resultado financeiro líquido da companhia ficou negativo em R$ 30,3 milhões, aumento de 67,2% em relação ao mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, o resultado líquido foi negativo em R$ 53,7 milhões, aumento de 6,9% em relação ao acumulado no mesmo período do ano passado.

A Viveo explica ainda que as reduções das receitas financeiras nos períodos foram decorrentes, principalmente, do menor rendimento com operação de derivativos em 2021 na comparação com 2020

Relacionados:

► Com aquisição da Tecno4 e da Pointmed por R$ 43 milhões, Viveo avança no setor de saúde► Gafisa reverte prejuízo e tem lucro líquido de R$ 6,1 milhões no 3T21

Leia mais: