Leilão de torres e data center da Oi previsto em plano de recuperação judicial acontece nesta quinta (26)

Atualizado em -

Leilão de torres e data center da Oi previsto em plano de recuperação judicial acontece nesta quinta (26) Oi | Divulgação
► Prejuízo da Oi cai 54,4% e empresa fecha trimestre com perdas de R$ 2,6 bi ► Ações da CVC registram alta após S&P elevar rating da empresa de CCC para BB

A Oi realiza nesta quinta-feira (26) o leilão das torres e datacenter (OIBR3; OIBR4) como parte de seu plano de recuperação judicial. A abertura das propostas acontecerá às 15h na sala de audiências da 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro. Em julho, a Highline Brasil apresentou uma proposta para a compra da Unidade Produtiva Isolada (UPI) de Torres, uma das cinco que a operadora colocou à venda, por R$ 1,067 bilhão.

No dia 14 de dezembro, acontecerá o leilão da operação de telefonia móvel. O objetivo da Oi é levantar mais de R$20 bilhões de reais com os leilões e usar o valor para pagar credores e fazer investimentos com o que sobrar.

A empresa reportou prejuízo líquido de R$ 2,63 bilhões no terceiro trimestre de 2020 – uma queda de 54,1% sobre o prejuízo líquido de R$ 5,74 bilhões apurado no mesmo período de 2019. Saiba mais sobre os resultados da Oi clicando aqui.

Em outubro, a Oi conseguiu homologar o aditamento ao seu plano de recuperação judicial, aprovado pela assembleia de credores no início de setembro. A decisão fixou o prazo de 12 meses para o encerramento da recuperação judicial, podendo ser prorrogado caso haja necessidade. Leia mais aqui.

Relacionados:

► Prejuízo da Oi cai 54,4% e empresa fecha trimestre com perdas de R$ 2,6 bi ► Ações da CVC registram alta após S&P elevar rating da empresa de CCC para BB

Leia mais: