Ibovespa encerra o dia estável com segundo pregão acima dos 100 mil pontos

Atualizado em -

Ibovespa encerra o dia estável com segundo pregão acima dos 100 mil pontos Foto: Unsplash
► A seguidor no Facebook, Bolsonaro diz que vacina chinesa “não será comprada”► Retomada da demanda de equipamentos faz lucro da WEG saltar 54% no terceiro trimestre

O índice brasileiro encerrou o dia em alta de +0,01% aos 100.552 pontos pelo segundo pregão acima dos 100 mil pontos. Os drivers de hoje se dividiram entre o início da temporada de resultados das empresas brasileiras e a continuidade das conversas para o pacote de estímulos nos EUA.

O assessor econômico da Casa Branca, disse que as negociações encontraram um dia positivo, com as negociações caminhando em uma direção favorável. Já a presidente da Câmara de Representantes, disse esperar que uma parte relevante das divergências entre democratas e republicanos seja resolvida ao fim do dia.

Aqui no Brasil, Bolsonaro negou o anúncio do Ministério da Saúde, de que pretendia comprar vacinas desenvolvidas pelo Instituto Butantã e pela chinesa Sinovac. Além disso, o presidente da Câmara Rodrigo Maia defendeu a criação de um cronograma para votar cortes de gastos que viabilizem a criação de um novo programa de renda mais amplo que o Bolsa Família, sem estourar o teto de gastos.

Enquanto isso, o dólar comercial registra alta de +0,05% a R$ 5,613 na compra e a R$ 5,614 na venda.

Maiores altas

  • Qualicorp (QUAL3) +5,85% R$ 34,40
  • Braskem (BRKM5) +5,59% R$ 24,55
  • Eztec (EZTC3) +3,96% R$ 40,96

Maiores baixas

  • Weg (WEGE3) -5,03% R$ 79,35
  • IRB (IRBR3) -3,24% R$ 6,87
  • CVC (CVCB3) -3,03% R$ 15,05

Relacionados:

► A seguidor no Facebook, Bolsonaro diz que vacina chinesa “não será comprada”► Retomada da demanda de equipamentos faz lucro da WEG saltar 54% no terceiro trimestre

Leia mais: